Grécia e sua pedra com alça - Kettlebell

 

 

Existem evidências do interesse do homem em exibir sua força desde os tempos primórdios. Objetos pesados, como por exemplo, as pedras, cujo peso pode ser medido, foram utilizados durante muito tempo como indicadores de força, parâmetros de comparação e instrumento de treinamento. Neste contexto, destaca-se a famosa pedra de Bybon.

Esta pedra de arenito, com 143 kg, encontrada em Olímpia na Grécia, datada de (VI. A.c) possui uma escritura que relata o feito de um homem chamado Bybon, que a arremessou sobre a cabeça com uma mão. A pedra possui uma pequena entrada para a mão, indicando a tentativa de se criar uma alça para facilitar o arremesso.

Evoluções deste tipo, foram criadas ao longo do tempo, como os pesos com alças. A Girya, uma bola de ferro com alça, surgiu na Russia no século XVII, era utilizada como contra peso em feiras de rua, mas também como objeto de demonstração de força pelos trabalhadores após o expediente.

Com o tempo o levantamento de Girya, tornou-se um esporte (1974) e também passou a ser utilizada como ferramenta de treinamento militar pelo exército soviético. A ferramenta recebeu o nome de Kettlebell, quando foi trazida para a cultura ocidental (2001) onde se popularizou sendo utilizada até hoje como equipamento de treinamento físico e atualmente ganhou ainda mais espaço devido a sua inserção nos protocolos de treinamento do método Crossfit.

Deison Finardi